Cuidados Veterinários
Por que cães comem cocô?
05/04/2016 15:34:24
Sintoma: Arritmia
27/02/2016 17:06:38
Tártaro nos cães
04/02/2016 17:40:02
Obesidade canina
05/10/2015 17:23:53
Leucemia viral felina (FeLV)
18/05/2015 17:55:22
Piometra em Cadelas
09/05/2015 16:32:26
Comedouros e Bebedouros
05/05/2015 17:07:29
Gengivite e periodontite
04/05/2015 19:34:52
Sarnas nos gatos
03/05/2015 17:31:14
Giárdia em Cães
01/05/2015 17:42:38
Como identificar dor em cães?
22/04/2015 16:21:19
Afinando relações
27/12/2014 14:42:04
  
Eles não podem e nem precisam de ossos 
 
Muitos tutores pensam que devido ao cão ter um antepassado selvagem, em que caçavam e comiam suas presas, eles podem e precisam de ossos.
 
Hoje os cães, em sua grande maioria, vivem muito perto dos seus tutores, dividindo o espaço na casa, no quarto e na cozinha. Ficando ao lado nas refeições, devido a isso recebem alguns alimentos do prato, como ossos de galinha, daquele frango assado do domingo, ou mesmo cães que vivem no quintal, são oferecidos como agrado um ossinho durante o churrasco em família.  
 
Muitos tutores pensam que devido ao cão ter um antepassado selvagem, em que caçavam e comiam suas presas, eles podem e precisam de ossos, mas os nossos cães estão longe dessa vida natural, os hábitos alimentares e comportamentais sofreram alterações com a sua domesticação e o nosso convívio, e os ossos quando cozidos ou fritos ficam mais duros e apresentam mais riscos.  
 
Alguns tutores questionam a possibilidade de oferecer ossos crus, comprados em açougues, porém isso pode acarretar em: Dentes quebrados,  machucados em boca e língua,  gordura presente nesses ossos pode causar diarreia. Na rotina como médica veterinária atendo muitos casos em que ocorreram problemas, com ossos de galinha, boi e costelas: Ossos de galinha são pequenos e fáceis de engolir, ossos bovinos após roerem, lamberem, podem partir em pequenos pedaços podendo causar.  
 
O Engasgos, ficarem parados na garganta, necessitando, muitas vezes, de atendimento emergencial, pois atrapalham a respiração, e serem retirados somente com cirurgia, o soltam lascas, causando perfurações no intestino, como consequência uma hemorragia e infecções generalizadas.  O constipação fecal, pequenos pedaços de ossos ficam pontiagudos, endurecem nas fezes dificultando a defecação. Não indico também, os ossos de couro, vendidos em pet shops, os cães vão roendo, lambendo e esses ossos ficam moles, podendo ser, facilmente engolidos causando engasgos.
 
Então, o melhor é pensar bem antes de dar um ossinho para seu cão, eles não tem nenhum nutriente necessário e pode trazer vários problemas! 
 
M.V. Fabiana Augusto Pereira • Formada pela Universidade Anhembi Morumbi, Pós Graduada em Dermatologia Veterinária pela Laureate Internacional Universities, Extensão em Neurologia Veterinaria Instituto Bioethiucus - Botucatu.
Fale conosco: contato@direitosdosanimais.org
  APOIADORES